Bebê Pode Comer Gelatina? Guia 2022

por

A gelatina é uma sobremesa comum na casa dos brasileiros. Mas você sabe se o bebê pode comer gelatina?

Esses dias, eu estava comendo gelatina e a minha filha trouxe a minha neta para me visitar. 

Como a minha netinha é uma criança curiosa, ela pediu para provar a sobremesa.

bebe pode comer gelatina

Só que eu e a minha filha não sabíamos se bebê pode comer gelatina. Eu pedi para ela perguntar ao pediatra antes de oferecer o doce para a minha neta.

O pediatra disse que bebês com mais de 1 ano de idade podem comer gelatina. Crianças mais novas não devem consumir esse alimento por ter risco de provocar alergias.

Eu escrevi este artigo para responder às principais dúvidas sobre o consumo de gelatina por bebês.

Aqui você vai saber quando é permitido oferecer gelatina ao bebê, quais são os benefícios da gelatina e a quantidade recomendada, então continue lendo.

É seguro para a criança comer gelatina?

A gelatina é um alimento natural, feito a partir do colágeno encontrado na pele de animais, como porcos e vacas.

Apesar de ter origem natural, este alimento somente deve ser oferecido a crianças com mais de 1 ano de vida.

Para Patrícia Ramos, nutricionista do Hospital Bandeirantes, disse que a gelatina pode provocar alergias em crianças com menos de 1 ano de idade, porque possui muitos corantes.[1]

O risco de alergia é maior antes de 1 ano porque, nessa idade, o sistema imunológico da criança ainda não está plenamente desenvolvido.

Depois de 1 ano, você pode oferecer gelatina ao seu filho ou filha.

gelatina faz bem para o bebê

Quais os benefícios da gelatina para o bebê?

A gelatina é uma fonte de proteína sem colesterol. Então, é uma boa opção para complementar o consumo desse nutriente.

As proteínas da gelatina também contém aminoácidos, substâncias importantes para a manutenção dos ossos e das articulações.

Como a gelatina possui baixo valor calórico, é uma alternativa de sobremesa para crianças que precisam perder peso.

Além disso, a gelatina dá maior sensação de saciedade. Isso quer dizer que o seu filho não terá fome tão logo.

Meu bebê pode comer gelatina todo dia?

Apesar dos benefícios da gelatina, você não pode oferecer este alimento todos os dias para o seu filho ou filha.

A gelatina pode ser consumida pela criança 2 ou 3 vezes por semana, sendo um copinho de 100 ml por vez.

O consumo de gelatina deve ser moderado porque este alimento contém corantes e açúcar, substâncias sem valor nutricional.

Como fazer uma gelatina natural em casa?

Você descobriu neste artigo que a gelatina é um alimento rico em proteínas, mas que deve ser oferecido somente após a criança completar 1 ano de vida.

É preciso ter controlar o consumo de gelatina, já que esse alimento tem vários corantes e açúcar.

Uma forma de tornar a gelatina mais saudável é preparando uma versão natural em casa.

quando pode dar gelatina para o bebê

Para isso, você vai precisar de:

  • 1 envelope (12 g) de gelatina sem sabor
  • Frutas de sua preferência
  • 1 xícara de água gelada
  • ½ xícara de água fervente

 A gelatina sem sabor é mais saudável porque não possui corantes.

Para preparar a receita, você deve hidratar a gelatina sem sabor em 2 colheres de água gelada por cerca de 2 minutos.

Enquanto isso, bata no liquidificador as frutas com o restante da água gelada até formar um creme liso.

Despeje o creme em um recipiente e acrescente a água fervente. Misture bem até que os ingredientes sejam completamente incorporados.

Adicione a gelatina e misture novamente. Se preferir, coloque em potinhos individuais e leve à geladeira por, no mínimo, 2 horas para que fique firme.

E caso você tenha dificuldade para fazer o seu filho comer, eu recomendo o artigo completo sobre o assunto da Mãe Experiente.

Jussara Santos

Jussara Santos

Jussara Santos, membra da comunidade Mãe Experiente, é mãe de 3 meninas lindas. A Bella, Julia, e Marta. Com mais de 10 anos sendo auxiliar de creche, Jussara se apaixonou em ajudar crianças e trazer conhecimento para suas respectivas mães. No seu tempo livre, Jussara adora levar as meninas para brincar na praia.