Mãe Com Intoxicação Alimentar Pode Amamentar? Guia 2022

por

O estado de saúde da mãe pode afetar a produção e composição do leite materno. Neste artigo, eu te conto se a mãe com intoxicação alimentar pode amamentar.

O consumo de alimentos ou água contaminada pode provocar intoxicação alimentar. Isso quer dizer que esse problema pode acontecer com todos.

Até mesmo com as mães que estão amamentando. Apesar dos cuidados com a alimentação, o consumo de um alimento estragado pode provocar intoxicação alimentar.

mãe com intoxicação alimentar pode amamentar

Mas será que a mãe com intoxicação alimentar pode amamentar o bebê? Descubra a resposta para esta pergunta neste artigo.

Aqui você também vai conhecer as causas da intoxicação alimentar e como tratar esse problema, então continue lendo.

O que pode provocar intoxicação alimentar?

Segundo o site de notícias médicas Tua Saúde, a intoxicação alimentar é provocada pelo consumo de água ou alimentos contaminados por bactérias ou fungos.

A contaminação pode acontecer durante a manipulação, preparo ou armazenamento dos alimentos.

As toxinas das bactérias e fungos provocam vômitos, náuseas, dor de cabeça, fraqueza e diarreia.

Casos graves de intoxicação alimentar também podem provocar sintomas de desidratação, como boca seca e sede em excesso.

Isso acontece porque as pessoas intoxicadas costumam perder muito líquido.

Apesar de ser um problema comum, poucas pessoas buscam atendimento médico quando estão com sintomas de intoxicação alimentar.

Mas é importante que idosos, grávidas e crianças se consultem com um especialista assim que os sintomas começarem.

Porque essas pessoas possuem o sistema imunológico mais fraco, o que aumenta as chances delas desenvolverem problemas de saúde mais graves.

Mãe com intoxicação alimentar pode amamentar?

A intoxicação alimentar afeta, principalmente, o sistema gastrointestinal. Isso significa que as toxinas não chegam até a corrente sanguínea ou ao leite materno.

Então, uma mãe com intoxicação alimentar pode amamentar o seu bebê sem colocar em risco a saúde dele.

Apenas tenha cuidado se for preciso utilizar algum medicamento. Porque algumas substâncias podem passar para o leite quando ingeridas pela mãe.

Como é o caso de mães amamentando que tomam Dipirona, por exemplo.

Por isso, pergunte ao seu médico se ele indica o uso de alguma medicação para aliviar os sintomas de intoxicação alimentar.

Outros cuidados também ajudam a aliviar os sintomas deste problema. Veja abaixo dicas de como melhorar a sua recuperação.

posso amamentar com intoxicação alimentar

Como tratar a intoxicação alimentar?

A intoxicação alimentar é um problema gastrointestinal que precisa ser tratado assim que surgirem os primeiros sintomas.

Vamos conhecer as principais recomendações no tratamento deste problema de saúde.

Beba bastante líquidos

Você já deve ter ouvido alguém falar que beber bastante líquidos faz bem quando se está com intoxicação alimentar, não é?

Esse conselho está correto. Ao beber líquidos, você repõe a água perdida pelo corpo por causa dos sintomas de intoxicação alimentar.

Então, aposte em chás, sucos de frutas naturais e água pura. Se possível, também beba soro, pois essa bebida ajuda a hidratar mais rapidamente o corpo.

Adote uma alimentação leve

Adotar uma alimentação leve e sem gorduras também ajuda na recuperação do organismo, porque facilita a eliminação das toxinas.

As frutas são boas opções. Elas podem ser in natura ou cozidas e sem casca para facilitar a digestão.

O frango é uma fonte de proteína magra que também colabora na recuperação de quem está com intoxicação alimentar.

Além desses alimentos, você pode consumir arroz, massas sem molhos ou gorduras e legumes cozidos, como cenoura e batata.

Uso de medicamentos

A ingestão de líquidos e uma alimentação leve costuma aliviar os sintomas de intoxicação alimentar. Mas remédios podem ser recomendados se os sintomas não melhorarem.

O médico pode indicar o uso de analgésicos para reduzir a dor abdominal e antibióticos para combater a toxina.

intoxicação alimentar na amamentação

Conclusão

A intoxicação alimentar é um problema de saúde provocado pelo consumo de alimentos e bebidas contaminados por fungos e bactérias.

Esses agentes liberam toxinas que desequilibram o organismo, o que provoca sintomas como vômito, náuseas, dor de cabeça, fraqueza e diarréia.

Casos graves de intoxicação também podem ter sintomas de desidratação, como boca seca e sede excessiva.

Apesar de ser uma condição de saúde que precisa de cuidados, a intoxicação alimentar não impede a amamentação.

Porque as toxinas presentes nos alimentos contaminados não atingem a corrente sanguínea ou o leite materno.

Então, é seguro amamentar o seu bebê nessa condição.

Por fim, lembre-se de beber bastante líquidos e comer alimentos leves para se recuperar logo.

Veja também se tem perigo em mãe gripada amamentar.

Photo of author

Jussara Santos

Jussara Santos, membra da comunidade Mãe Experiente, é mãe de 3 meninas lindas. A Bella, Julia, e Marta. Com mais de 10 anos sendo auxiliar de creche, Jussara se apaixonou em ajudar crianças e trazer conhecimento para suas respectivas mães. No seu tempo livre, Jussara adora levar as meninas para brincar na praia.